ORAÇÃO - 30/01/2017


Se você não frequenta uma igreja, não tem muita familiaridade com a palavra oração.

Oração é falar com Deus, é conversar com Ele, é expressar todo o nosso sentimento e nos derramar em sua presença.

Certa feita ouvi a seguinte definição para oração: “Oração é audiência privada com Deus na sala do trono da graça.”

No Livro O que é oração de Paulo Pancote ele define assim: “Oração é apresentação de nossas petições a Deus, solicitando-lhe coisas que estejam de acordo com sua vontade, em nome de Cristo, com a confissão de nossos pecados, agradecendo e reconhecendo suas misericórdias.”

Em 1ª Tessalonicenses 5.17 o apóstolo Paulo recomenda orar sem cessar, significa que não podemos abrir mão de uma vida de oração.

Jesus ensina seus discípulos a orar através da oração dominical: “Pai, santificado seja o teu nome; venha o teu reino, dá-nos a cada dia o nosso pão cotidiano; e perdoa-nos os nossos pecados, pois também nós perdoamos a todo aquele que nos deve; e não nos deixes entrar em tentação, mas livra-nos do mal.” Lucas 11.2-4

Podemos classificar a oração da seguinte forma: Oração de Gratidão, Oração de Louvor e Adoração, Oração de Confissão de Pecados, Oração de Intercessão e Oração de Petição.

Precisamos orar e estudar a Palavra de Deus diariamente, observe as palavras de Andrew Murray: “Pouco da Palavra de Deus com pouco de oração é morte da vida espiritual. Muito da Palavra de Deus com pouco de oração proporciona uma vida doentia. Muito de oração com pouco da Palavra dá mais vida, mas sem firmeza. A medida completa da Palavra de Deus e da oração a cada dia proporciona uma vida sadia e poderosa.”

Não deixe de orar sempre, seja um homem e uma mulher de oração. Sem oração e leitura Bíblica não podemos viver, são nossas vitaminas, alguém disse com muita propriedade que precisamos de vitamina BO (Bíblia e Oração).


CLEVERSON PEREIRA DO VALLE
Pastor da Igreja Batista em Vila Natal – Mogi das Cruzes-SP
Bacharel em Teologia pela FTBSP e EST
Pós-graduado em Aconselhamento Bíblico pela FTBC